Durante o período de férias e festas de fim de ano as doações de sangue caem consideravelmente. Ao mesmo tempo, é nessa época que a demanda por sangue fica maior. Para conseguir atender e manter o estoque em níveis adequados, o MT Hemocentro convoca os doadores.

Chamado atendido pelo Sindicato dos Bombeiros Civis do Estado (SBPC), que de pronto organizou a campanha “Doe Sangue, Doe Vida” para segunda-feira (21), das 7h30 às 17h, no MT Hemocentro. Foram convocando os sindicalizados, amigos e familiares.

O presidente do sindicato, Nilton Figueiredo Netto, conta que durante toda semana utilizou as redes sociais, aplicativos de telefone e o boca-boca para sensibilizar da importância do gesto de amor. Ele é parceiro do Sindicato da Policia Rodoviária Federal que sempre convida a entidade a participar de ações semelhantes. “Desta vez fomos sensibilizados pela diretoria do MT Hemocentro a organizar uma campanha do sindicato. De pronto aceitamos o desafio e acreditamos que teremos êxito”.

Leia também:  Sintep/MT convoca trabalhadores para Greve Geral

A preocupação, segundo a diretora do MT Hemocentro, Elianne Curvo, é garantir os estoques neste período de festas e férias, quando há grande volume de atendimentos de emergência e cirurgias que necessitam de transfusões de sangue, em razão de acidentes. “É fundamental que a população faça as doações antes que as festas comecem para evitar a redução dos estoques de sangue também no início do próximo ano”.

A diretora convoca a população para a doação de sangue, pois precisa manter – com nível em segurança – o estoque regular para conseguir atender a demanda. Elianne acrescenta que o MT Hemocentro tem a responsabilidade de coordenar a política de sangue em todo o estado. Isso significa atender a demanda de todas as unidades de saúde da rede do Sistema Único de Saúde (SUS), na capital e no interior, com quantidades adequadas de sangue para socorrer pessoas que precisam de transfusão.

Leia também:  Mato Grosso é responsável por 26,5% do desmatamento total da Amazônia

Outro desafio é conseguir doadores fidelizados, ou seja, aqueles que doam sangue com frequência, respeitando o intervalo de três meses para as mulheres e dois meses para os homens em cada doação, e manter um estoque permanente para atender a demanda diária do SUS em todo estado.

Doar sangue é um ato simples, tranquilo e seguro que não provoca risco ou prejuízo à saúde. Além disso, a doação é voluntária, anônima, altruísta, não remunerada. Para ser doador é preciso ser saudável, estar bem alimentado, ter mais de 50 quilos e idade entre 16 e 67 anos.

Menores de 18 anos podem doar apenas na companhia dos pais. O doador não pode ter ingerido bebida alcoólica nas 12 horas anteriores à doação. Todo o processo de doação é rápido, seguro e indolor, leva cerca de 40 minutos.

Leia também:  Obra de duplicação da Filinto Müller é vistoriada em Várzea Grande

O atendimento ao público da Unidade de Coleta e Transfusão (UCT) do Hospital e Pronto-Socorro Municipal de Cuiabá (HPSMC) é de segunda a sábado e feriados, das 7h às 18h30. No MT-Hemocentro é de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 17h30, com exceção dos feriados.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.