A diretoria do Sindicato das Empresas de Transporte de Cargas de Mato Grosso (Sindmat) participou de uma reunião com o governador Pedro Taques para tratar de diversas demandas do setor.

Antes de repassar as demandas, o presidente do Sindicato Eleus Vieira de Amorim agradeceu o apoio na criação de um departamento especializado no roubo de cargas. O departamento já está atuando e foi estabelecido na Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos. “Há alguns anos, os transportadores reivindicam uma delegacia especializada, mas o primeiro passo já foi dado e estamos contentes por isso”, comentou Amorim.

Os diretores do Sindmat também falaram sobre as ações de investigação que ocorreram no Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso (Detran). “Realmente tínhamos notícias de muitos atos corruptos no Detran. Este órgão era um caso de polícia. Hoje vemos que está sendo passado a limpo”, disse o presidente do Sindmat.

Leia também:  Corte de árvores garante mais segurança nas rodovias

O governador afirmou que não aceitará descaminhos. “Prova disso é que 37 pessoas foram presas por atos de corrupção no Detran”, destacou Taques .

Os diretores do Sindmat também se colocaram à disposição para contribuir nos debates sobre investimentos em rodovias com recursos do Fundo Estadual de Transporte e Habitação (Fethab).

Outra demanda é colaborar em reuniões que tratem da infraestrutura de transporte rodoviário. Taques afiançou que em breve irá ocorrer uma reunião com a diretoria da Concessionária Rota do Oeste para falar sobre as obras na BR-163.

O Sindmat também solicitou apoio do governo para promover cursos de aperfeiçoamento e qualificação de motoristas. “Temos nas estradas carretas de 90 toneladas. São veículos especiais, muitos com sistemas modernos, que precisam ser bem dirigidos para não só preservar o patrimônio físico, mas também preservar vidas. Por isso, defendemos cursos direcionados à segurança nas estradas”, explicou Eleus Vieira de Amorim. “Foi uma reunião muito positiva, onde parabenizamos a gestão pelas iniciativas tomadas e também por estar disposto a ouvir as demandas do setor”, disse Eleus Vieira de Amorim.

Leia também:  Tangará da Serra é 10º município a receber Caravana da Transformação

Também participaram da reunião o secretário de Infraestrutura e Logística, Marcelo Duarte e o secretário de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso Seneri Paludo.

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.