As investigações sobre suspeitas de corrupção envolvendo dirigentes da Fifa tiveram mais um passo nesta quarta-feira. A justiça suíça comunicou que bloqueou US$ 80 milhões (em torno de R$ 305 milhões) relacionados a 13 contas bancárias de dirigentes suspeitos de envolvimento no escândalo da entidade.

A decisão teria ocorrido por solicitação da justiça americana, que também está a frente do caso. As autoridades suíças teriam identificado 50 contas, de dez bancos diferentes, com dinheiro suspeito de ser suborno depositado por altos funcionários da Fifa.

A Justiça da Suíça investiga se as contas bancárias estão ligadas às investigações conduzidas nos Estados Unidos.

Advertisements
Leia também:  Jogador Edilson "capetinha" é preso por falta de pagamento de pensão

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.