Polícia Civil prende autor de tentativa de homicídio contra policiais da Força Tática da PM

O autor de uma tentativa de homicídio contra policiais militares foi preso pela Polícia Judiciária Civil, na quinta-feira (29), em ação da 1ª Delegacia de Polícia de Várzea Grande. O acusado Rondinelo Ferreira Maciel, conhecido como “Cascão”, estava com mandado de prisão em aberto por homicídio, ocorrido em 2015 e foi teve identificado nas como autor do atentado contra os policiais da Força Tática da PM.

O crime aconteceu no dia 17 de janeiro de 2016. No momento em que a guarnição da Força Tática da PM foi realizar a abordagem do suspeito em via pública, ele sacou uma arma de fogo e efetuou vários disparos contra os policiais. Após o atentado, Rondinelo correu para um matagal e dispensou a arma, que foi localizada pela equipe da PM.

Leia também:  Guarda de trânsito e advogado são detidos por invadirem casa em busca de suposto ladrão

Na ocasião, o suspeito conseguiu fugir e nenhum dos policiais ficou ferido. Após ser identificado nas investigações da 1ª Delegacia de Polícia de Várzea Grande, foi checado que o suspeito estava com mandado de prisão preventiva em aberto por homicídio. Com base na informação, o suspeito teve a ordem judicial cumprida, na quinta-feira (29), na casa de sua convivente, em Várzea Grande.

Segundo o delegado, Rondinelo é muito conhecido no meio policial e considerado muito perigoso. “Além do mandado de prisão em aberto por homicídio cometido no ano de 2015, o acusado possui outros 11 registros criminais, por tráfico de drogas e furtos”, destacou o delegado.

O acusado terá um novo pedido de prisão preventiva representado pelo delegado Eduardo Rizotto, no inquérito policial que apura a tentativa de homicídio contra os policiais.

Leia também:  Homens invadem casa e matam dois jovens em Confresa
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.