A Vigilância Epidemiológica do Município de Rondonópolis registrou, nesta segunda-feira (18), um caso de H1N1 tipo A na cidade. A paciente, de 43 anos, fez o tratamento contra a doença em São Paulo (SP), e passa bem. A Vigilância Epidemiológica ainda aguarda resultados de exames para a H1N1 de pacientes que tiveram síndrome respiratória aguda grave. São 34 casos do agravo registrados em Rondonópolis.

Segundo o enfermeiro responsável pelo Agravo H1N1 em Rondonópolis, Gilvani Alves Meira, dos pacientes com síndrome respiratória aguda grave, apenas dois continuam internados. “Os demais já receberam alta e passam bem”, destaca.

A Vigilância Epidemiológica explica que a Saúde está preparada para realizar o tratamento da síndrome respiratória aguda grave e, da H1N1, com médicos infectologistas e medicamento apropriado.

Leia também:  Receita Municipal informa que ITR deve ser declarado a partir do dia 14

Vacinação

A vacinação contra a influenza acontece em Rondonópolis no dia 30 de abril, conforme calendário nacional. Serão vacinados os grupos prioritários como gestantes, idosos com mais de 60 anos, pacientes com doenças graves e profissionais da saúde.

Cuidados

Os cidadãos devem utilizar álcool em gel nas mãos, além de lavá-las com frequência e evitar aglomerações de pessoas como medidas de prevenção contra a gripe. E, em caso de gripe com febre alta e dificuldades para respirar o médico deve ser procurado com urgência.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.