A Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (DERF) de Cuiabá prendeu na terça-feira (04), Marcelo de Arruda Silva, 26 anos de idade. Em desfavor dele havia um mandado de prisão preventiva pelo crime de tentativa de latrocínio contra seu ex-patrão da empresa Global Energia.

O crime aconteceu no dia 15 de janeiro quando Marcelo, acompanhado de um comparsa ainda não identificado, chegou na empresa no dia de pagamento dos funcionários e juntos efetuaram o roubo. Na ocasião, a vítima entrou em luta corporal com o suspeito e foi atingido por um disparo de arma de fogo no ombro, tendo fraturado o osso da clavícula.

Foi apurado que, durante a ação criminosa, Marcelo usou um revólver calibre 38 e teria fugido do local em uma motocicleta YBR. O suspeito planejou o crime em detalhes em razão de conhecer a rotina da empresa, uma vez que havia trabalhado no local pouco antes do assalto.

Leia também:  Inquérito da morte de manobrista é concluído com indiciamento de jovem em Cuiabá
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.