Foto:  Bruno Marçal
Foto: Bruno Mar

Tem gente que confunde as duas hortaliças, ainda mais se estiverem picadinhas na salada. Embora sejam espécies diferentes, dá pra dizer que carregam outra afinidade além da visual: ambas proporcionam certas bençãos nutricionais. No duelo, o repolho se destaca pelo teor de fibras, que zelam pelo intestino e pelas artérias. A acelga revida com a sua carga de minerais – destaque para o potássio, que ajuda a afastar a pressão alta.

Para quem torce o nariz pro repolho em função dos gases, a nutricionista Andréa Esquivel, expert em gastronomia saudável de São Paulo, indica uma passagem pela panela para refogar. Aliás, com criatividade, os dois vegetais rendem receitas apetitosas. Andréa ensina que a acelga pode virar uma trouxinha para abrigar ricota, cenoura ralada, uvas passas… O repolho, por sua vez, pode ser recheado com carne moída e ir ao forno. Agora, se a ideia é testar o conhecimento visual dos convidados, saiba que ambos servem para montar os charutinhos da culinária árabe.

Leia também:  Primeiro autoteste rápido para HIV do Brasil chega às farmácias

Energia

Repolho- 17 cal

Acelga- 21 cal

Carboidratos

Repolho- 3,9 g

Acelga- 4,6 g

Potássio

Acelga – 240 mg

Repolho- 150 mg

Fibras

Repolho- 1,9 g

Acelga – 1,1 g

Cálcio

Acelga – 43 mg

Repolho- 35 mg

Vitamina C

Acelga – 22,6 mg

Repolho- 18,7 mg

(Os valores se referem a 100 gramas dos alimentos crus)

Placar Saúde

Acelga 3 x Repolho 3

Resultado final: Empate

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.