Luiz Carlos Morais Delgado presidente do sindicato dos bancários - Foto : Messias Filho / AGORA MT
Luiz Carlos Morais Delgado presidente do sindicato dos bancários – Foto : Messias Filho / AGORA MT

Os bancários decidiram entrar em greve a partir de terça-feira (6), por tempo indeterminado após recusar a proposta feita pela Federação Nacional dos Bancos (Fenaban). O Sindicato dos Bancários de Rondonópolis e Região Sul de Mato Grosso informou que a adesão à greve foi aprovada por unanimidade durante assembleia realizada com a categoria na noite desta quinta-feira (1).

A categoria rejeitou a proposta feita pela Fenaban, que apresentou algumas respostas às reivindicações da categoria. A Federação ofertou um reajuste de 6,5% nos salários, que não cobre a inflação.

“Não houve avanços. Nós apresentamos uma proposta de 14,78% de reajuste e eles ofereceram apenas 6,5%. Diante do posicionamento, iremos aderir a greve por tempo indeterminado”, explica o presidente do Sindicato dos Bancários de Rondonópolis e Região Sul de Mato Grosso, Luiz Carlos Morais Delgado.

Leia também:  Blitz Seletiva | 100% das abordagens de veículos constataram irregularidades em Rondonópolis

Durante a greve apenas os serviços de autoatendimento serão realizados.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.