Foto: divulgação/PJC
Foto: divulgação/PJC

Uma operação com objetivo de dar cumprimento a ordens judiciais de prisão e de busca e apreensão contra envolvidos no roubo praticado dentro de um shopping da Capital, foi deflagrada, na manhã desta quinta-feira (20.10), pela Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO), com apoio da Gerência de Operações Especiais (GOE) e Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf).

A operação visa o cumprimento de três mandados de prisão temporária e oito de busca e apreensão nas cidades de Cuiabá e Rondonópolis (212 km ao Sul), tendo como alvo envolvidos no roubo ao Shopping Três Américas, ocorrido no dia 11 de junho.

Até o momento, a ação resultou no cumprimento da prisão temporária do suspeito Deivid Cristian Lima Pereira. Os suspeitos Wagner Vitor da Silva e Willian de Lara Pereira, que também apresentam mandado de prisão temporária em aberto, continuam foragidos.

Leia também:  Droga é encontrada dentro de caixa de achocolatado durante revista na Mata Grande

Na ocasião, os suspeitos subtraíram grande quantidade de moeda estrangeira de uma casa de câmbio, além de roubar diversos produtos e uma joalheira e tentarem explodir os caixas eletrônicos do estabelecimento.

Durante busca na residência do suspeito Willian, foram apreendidos 30 relógios de marcas luxuosas, avaliados em cerca de R$ 50 mil, os quais ainda possuíam as etiquetas da joalheria onde ocorreu o roubo, além da quantia de R$ 10 mil e um revólver, calibre .38, com 07 munições do mesmo calibre.

O suspeito Marinho Pereira da Silva, que estava no interior da residência foi autuado em flagrante pelos crimes de receptação e posse irregular de arma de fogo e munições.

Leia também:  MT registra 57 incêndios em 9 dias do período proibitivo

As investigações continuam com o objetivo de dar cumprimento aos mandados de prisão temporária dos suspeitos que estão foragidos, bem como visando a recuperação de outros produtos roubados.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.