Imagem: Cláudia Rodrigues
Créditos: reprodução/TV Record

Portadora de esclerose múltipla, a atriz revelou detalhes do tratamento experimental que realizou e conferiu, durante o programa, os exames que mostram os efeitos conquistados com a nova abordagem.

De acordo com a reportagem, os prognósticos não eram muito animadores. De cada quatro pessoas com esclerose múltipla que se submetem ao transplante de células-tronco, uma tem piora do estado de saúde, duas se mantêm estável, e apenas uma apresenta melhoras com redução das sequelas.

O médico que acompanha o tratamento afirmou ao programa que o quadro dela, como paciente, é semelhante ao quadro dos pacientes que têm resultado positivo.

Advertisements
Leia também:  Resumo de novelas desta quarta-feira (02)

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.