Antônio Gabriel de Paula Pereira, 32 anos, acusado de assassinar o cabeleireiro Maurício Medeiros de Souza, 30 anos na época, irá a júri popular no próximo mês, dia 16 em Rondonópolis. O crime aconteceu no dia 30 de outubro de 2015 em frente a uma universidade na Vila Birigui.

Consta na denúncia, que por vingança, o acusado perseguiu a vítima na condução de veículo automotor e acabou deixando-a sem saída. “Para fugir do local, a vítima saiu de seu veículo e recebeu disparos de arma de fogo desferidos pelo denunciado, sendo que um deles lhe atingiu as costas, causando-lhe os ferimentos que, por sua natureza e sede, foram a causa de sua morte”, relatou o MPE.

Leia também:  Moradores fazem manifestação após grávida ser atropelada por ônibus e perder o bebê

O CRIME

Na época Gabriel alegou que tudo começou por causa de um desentendimento no trânsito. Durante o depoimento, ele relata que não sabia que era Mauricio que estava no carro, mas como já vinha sofrendo ameaças da vítima há algum tempo, assustado e temendo pela sua vida atirou contra Mauricio.

A delegada ainda informou que já tinha dias que Gabriel estava andando armado, e que durante o depoimento ele não apresentou nenhuma prova sobre as ameças que ele alega ter recebido de Maurício.

Gabriel já possuia duas passagens pela polícia. Ele cumpriu pena por tráfico de drogas no estado de Mato Grosso do Sul (MS) e possui processo de ameaças por ‘Maria da Penha’ registrado por uma ex-esposa.

Leia também:  Acusado de matar, carbonizar e deixar corpo de vítima em carrinho de bebê é preso

A delegada também informou que a jovem que era namorada de Maurício prestou depoimento e relatou que o cabeleireiro recebia ameças de Gabriel por ele não aceitar o fim do namoro. Ela namorou com Gabriel durante um período, e após passar por um relacionamento conturbado, com ameaças e agressões, resolveu por um fim no namoro. Após o fato, a jovem começou a se relacionar com Maurício, mas Gabriel não aceitava a situação.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.