Imagem: Terra Prometida
Foto: Munir Chatack/Record TV

Ula vai até a casa de Lina e se depara com a princesa Úrsula. Haniel tenta comprar algo para Tirda na tenda de Elias. Haniel compra um vestido cafona para Tirda. Ela finge ter gostado do vestido, mas avisa que Haniel não precisa se incomodar de novo.

Léia revela toda a verdade para Yana e pede para ela permanecer no acampamento.  Mireu conversa com Úrsula e revela o envolvimento com Ula. A princesa fica satisfeita e avisa que eles estão do mesmo lado. Aruna fica feliz ao saber que Yana permanecerá em Gilgal. Úrsula diz já saber como fazer o rei esquecer Ula. Sem culpar os filhos, Léia pede perdão a Quemuel. Mireu caminha pelas ruas de Jerusalém com Úrsula e reconhece Salmon.

Leia também:  Resumo de novelas desta quinta-feira (03)

O oficial ordena que os soldados prendam o hebreu. Salmon começa a correr. Tobias assume a culpa por ter forjado a falsa traição de Yana e Quemuel o expulsa de casa. Mireu consegue alcançar Salmon. Tirda fica sem jeito de dizer que não achou o vestido bonito.

Úrsula decide levar Salmon para o palácio. Otniel fica sabendo que o amigo foi descoberto. Tobias pede para morar na ferraria de Setur. Quemuel diz que errou na criação do filho. Adonizedeque reencontra com a filha. A princesa mostra o hebreu capturado. Raabe cuida de Boaz. Úrsula diz que descobriu algo sobre Ula. Samara encontra Tobias e avisa que o plano ainda está de pé. Mireu conversa com Salmon nas masmorras. Úrsula inventa que Ula é uma assassina. Adonizedeque fica preocupado.

Leia também:  O Rico e Lázaro | Sammu-Ramat faz um ritual para que Kassaia não engravide

Escondida, Mara cultua as estatuetas que eram de Racal. Adonizedeque diz que Ula é uma assassina e ordena que Abul a traga imediatamente. Léia comenta com as outras mulheres que Josué proibiu que os hebreus de saírem dos limites do acampamento. O líder avisa que pedirá aos homens para vigiarem e protegerem suas esposas. Otniel tenta saber informações sobre o paradeiro de Salmon. Abul chega até a taberna para levar Ula. A moça assume a culpa pela morte de Durgal perante a Adonizedeque.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.