As gestantes que fazem pré-natal nas unidades básicas do município estão recebendo da Secretaria Municipal de Saúde, por meio de um projeto em parceria com o Ministério da Saúde, repelentes para contribuir na prevenção de doenças como a zika, que pode trazer problemas para os bebês, como a microcefalia, e é transmitida pelo mosquito Aedes aegypti.

A gerente do Departamento de Ações Programáticas do Município, Mariúva Valentin, destaca que a iniciativa é uma proteção a mais para a gestantes na busca de se evitar que contraiam a zika, por exemplo.

A gerente explica que assim que iniciam o pré-natal na rede municipal de saúde, as gestantes já recebem o repelente e são incentivadas a fazer uso do produto, buscando a prevenção.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.