Imagem: Atacadão
Rede de Supermercado Atacadão | Foto: Redes Sociais

Após a morte da funcionária, Joadir Rosa da Silva Siqueira Soares, 45 anos, ao ter passado mal dentro de uma câmara fria na rede de supermercados Atacadão, ao tentar socorrer um colega de trabalho que também trabalhava no estabelecimento localizado no bairro Jardim Glória, em Várzea Grande. (Veja aqui)

A empresa se manifestou nesta sexta-feira (08) através de nota lamentando sobre o ocorrido e explicou que os funcionários são de uma empresa terceirizada, usavam Equipamento de Proteção Individual (EPI) no momento do ocorrido e que a rede Atacadão está à disposição das autoridades para auxiliar com as investigações.

Nota à imprensa

A rede informa que, na manhã desta quinta-feira (07), um funcionário terceirizado passou mal próximo à entrada da câmara fria da loja situada em Várzea Grande (MT). Ao perceber isso, uma outra funcionária terceirizada, que trabalhava no local, o auxiliou até a sala de repouso para receber os primeiros socorros.

Leia também:  Helicóptero é usado para resgatar corpo de homem desaparecido há 3 meses em MT

Enquanto esta colaboradora acompanhava o atendimento do colega, ela reclamou para as pessoas presentes que também estava passando mal, momento em que desmaiou, sendo socorrida pelos seguranças e líderes da loja até a chegada e atendimento pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), sendo os dois encaminhados para o hospital.

A rede lamenta a fatalidade, informa que os dois funcionários terceirizados utilizavam Equipamento de Proteção Individual (EPI) no momento do ocorrido e que está à disposição das autoridades para auxiliar com as investigações. Segue ainda em contato com a empresa terceirizada para que seja dado o suporte devido aos colaboradores e seus familiares.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.