Imagem: eaed0c02 efec 4160 93cb 574f60f55193
Quadro de distribuição de energia arrombado – Foto: Jandir Martins / TV Cidade Record

O prédio do Hospital da Criança, Wilma Bohac Francisco, o ‘PAzinho’, no Jardim Santa Marta, em Rondonópolis (MT) continua sendo motivo de preocupação. O espaço que passa por reforma teve o quadro de distribuição de energia arrombado e os fios retirados. O caso foi registrado na madrugada desta quinta-feira (5) e deve atrasar a entrega da reforma.

Conforme informações, a obra de reforma do ‘PAzinho’ infantil está em fase final. A parte elétrica foi completamente refeita porque os fios não eram compatíveis para a demanda. O quadro de distribuição foi refeito e era novo, mas foi furtado.

Imagem: 1456f358 5d50 42b5 926b 2c0bc2764b42
Local invadido – Foto: Jandir Martins / TV Cidade Record

Um representante da empresa responsável pela reforma do prédio informou que o prejuízo é muito grande. A empresa havia inclusive contratado um vigilante para cuidar do prédio, mas na madrugada do crime o vigilante estava de folga, momento em que o criminoso aproveitou para furtar a fiação.

Imagem: 9f40da23 c75e 468c 961b 51a5e09df44d
Forro destruído – Foto: Jandir Martins / TV Cidade Record

Além do quadro de distribuição, o suspeito destruiu o forro de cobertura por onde teve acesso ao restante da fiação que fica na parte interna entre o forro e o telhado.

Esse não é o primeiro problema registrado no prédio. Em abril de 2018 o local foi denunciado por moradores da região que alegavam o abandono do prédio. O espaço também teve um princípio de incêndio e as chamas foram contidas pela equipe do Corpo de Bombeiros.

 

 

NOTA ASSESSORIA PREFEITURA 

A Secretaria Municipal de Saúde informa que a obra para conclusão do PAzinho está cumprindo os prazos previstos no cronograma e deve ser entregue até o final deste ano.

Em relação ao furto da fiação ocorrido nesta madrugada, a secretária de Saúde, Izalba Albuquerque, avaliou como lastimável a ação.

“É revoltante. É uma obra pública que, apesar de não estar sob responsabilidade do Poder Público, mas da empreiteira, vai beneficiar toda a população e esse ato gerou um prejuízo enorme para a empresa que está fazendo a obra e, principalmente, para a população, pois isso retarda a entrega do PAzinho. Ela está sendo feita com capricho e ficando bonita. E, agora, a gente recebe essa notícia. O sentimento é de revolta. Como uma pessoa vai em uma obra que vai atender as crianças e rouba toda a fiação? É lamentável”, desabafou Izalba.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.