25 de outubro de 2020
Mais
    Capa Destaques Aeronave usada para o combate de fogo no Patanal faz pouso forçado
    MATO GROSSO

    Aeronave usada para o combate de fogo no Patanal faz pouso forçado

    No helicoptero havia três tripulantes e todos ficaram feridos

    Imagem: Assssoria Aeronave usada para o combate de fogo no Patanal faz pouso forçado
    Reprodução

    Uma aeronave usada no combate às chamas no Pantanal realizou um pouso forçado nesta quinta-feira (08) na região de Poconé – MT

    O helicóptero da Força Nacional de Segurança Pública saiu de Corumbá – MS e no momento da queda havia três pessoas a bordo que trabalhavam no combate as queimadas na região do Pantanal.

    Os feridos foram socorridos e transportados do local do acidente para Porto Jofre (MT) em um helicóptero da Marinha do Brasil, que atua no Operação Pantanal.

    Um deles sofreu fratura exposta na perna e deve ser encaminhado para Cuiabá.

    NOTA

    Investigadores do Sexto Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (SERIPA VI), órgão regional do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (CENIPA) localizado em Brasília (DF), foram acionados para realizar a ação inicial da ocorrência envolvendo a aeronave de matrícula PR-MJZ, que aconteceu nesta quinta-feira (08) em Porto Jofre (MT).

    A Ação Inicial é o começo do processo de investigação e possui o objetivo de coletar dados: fotografar cenas, retirar partes da aeronave para análise, reunir documentos e ouvir relatos de pessoas que possam ter observado a sequência de eventos.

    O objetivo da investigação realizada pelo CENIPA é prevenir que novos acidentes com características semelhantes ocorram. A necessidade de descobrir todos os fatores contribuintes garante a liberdade de tempo para a investigação.

    A conclusão de qualquer investigação conduzida pelo CENIPA terá o menor prazo possível, dependendo sempre da complexidade do acidente.

    Assessoria de Comunicação do Ministério da Justiça e Segurança Pública e Assessoria de Comunicação do Ministério da Defesa.

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS