Agora MT Brasil Governo libera crédito de R$ 1,6 bi para combater efeitos das chuvas
CRÉDITO EXTRAORDINÁRIO

Governo libera crédito de R$ 1,6 bi para combater efeitos das chuvas

Recurso de caráter extraordinário para três ministérios será usado para atender regiões atingidas por enchentes e deslizamentos

Fonte: R7

Imagem: chuvas em minas gerais Governo libera crédito de R$ 1,6 bi para combater efeitos das chuvas
Homem com água praticamente na cintura em rua alagada após chuvas em Minas Gerais – Foto: Reprodução

As medidas provisórias que liberam crédito extraordinário de R$ 1,6 bilhão para os ministérios da Cidadania, da Infraestrutura e do Desenvolvimento Social, votadas no Senado em maio, foram publicadas no DOU (Diário Oficial da União) desta quinta-feira (2). Os valores serão usados para atender estados afetados pelas fortes chuvas em todo o País.

O Ministério da Cidadania vai receber recursos na ordem de R$ 700 milhões, que servirão para atender os afetados pelas chuvas em dezembro, principalmente nos estados de Minas Gerais e Bahia.

Na ocasião, mais de 66 mil pessoas ficaram desabrigadas ou desalojadas nos dois estados em decorrência de alagamentos, deslizamentos e danos à infraestrutura local, com interdição de estradas, queda de pontes e viadutos e interrupção de fornecimento de energia elétrica e água.

Desse total, R$ 500 milhões serão empregados na estruturação da rede de serviços do Suas (Sistema Único de Assistência Social). Outros R$ 200 milhões serão usados na aquisição e distribuição de cestas básicas para populações tradicionais e específicas, por meio da Secretaria Nacional de Inclusão Social e Produção Rural do Ministério da Cidadania.

O crédito destinado ao Ministério do Desenvolvimento Social, no valor de R$ 550 milhões, também vai ser usado nos estados da Bahia e Minas Gerais, mas parte da verba será destinada aos estados da região Sul afetados pela estiagem.

Os estados poderão utilizar os recursos para atender a despesas relacionadas a socorro, assistência às vítimas, fornecimento de água potável, cestas básicas, material de higiene e limpeza, combustível, além de dormitórios e colchões para os desabrigados. O dinheiro também deve ser empregado em apoio aéreo no resgate à população atingida, transporte de medicamentos, entre outras ações.

Já para enfrentar as consequências da estiagem no Sul do país, a medida permitirá a aquisição de cestas básicas, locação de carros-pipa e gastos com combustível, entre outras medidas, nos locais onde a produção econômica e a agricultura familiar foram comprometidas.

No caso do Ministério da Infraestrutura, o crédito extraordinário, no valor R$ 418 milhões, será empregado em 14 estados. Segundo a MP, para a região Norte será liberado o valor de R$ 133 milhões; para o Centro-Oeste, R$ 36 milhões; para o Sudeste, R$ 191 milhões; e para o Nordeste, R$ 58 milhões.

Os estados beneficiados são Acre, Amazonas, Bahia, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Mato Grosso, Pará, Piauí, Rio de Janeiro, Rondônia, São Paulo e Tocantins.

Relacionadas

Comissão do Senado adia votação do PL que regulamenta cigarro eletrônico

A votação do Projeto de Lei (PL) 5.008/2023, que regulamenta a produção, a comercialização, a fiscalização e a propaganda de cigarros eletrônicos no Brasil...

Deputada entrega 80 kits agrícolas para associações de pequenos produtores

A deputada estadual Janaina Riva (MDB) entrega nesta quinta-feira (13), às 9 horas, na sede da Associação Mato-Grossense dos Municípios (AMM), a segunda etapa...

Aposentado do Bope afasta suspeitos que tentavam assaltar mulheres

Um militar aposentado do BOPE (Batalhão de Operações Especiais) estava armado e conseguiu afastar suspeitos que tentavam assaltar mulheres em Duque de Caxias, na...

Seduc divulga lista das 100 escolas que serão premiadas por avanço nos índices de alfabetização

A Secretaria de Estado de Educação (Seduc-MT) divulgou a lista das 100 escolas vencedoras da 3ª edição do Prêmio Alfabetiza MT pelas boas práticas...

Marildes recebe ameaça por conta de projeto de agentes de saúde

A vereadora Marildes Ferreira (PSB) demonstrou estar indignada com a forma como alguns pré-candidatos a vereador têm agido, principalmente em razão de um projeto...

SES integra missão que vai implantar atendimentos em saúde digital para povos indígenas de MT

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT), em parceria com o Ministério da Saúde, fará a implantação da plataforma de saúde digital nas tribos...

Diretoria do Sinduscon Sul MT lamenta a morte de Elias Mansur Neto aos 69 anos

O engenheiro civil e professor, Elias Mansur Neto, morreu nesta segunda-feira (10), em Rondonópolis, aos 69 anos. Segundo informações, ele teve um mal súbito....

PP declara apoio à pré-candidatura de Thiago Silva em Rondonópolis

O Partido Progressistas, liderado em Mato Grosso pelo presidente estadual deputado Paulo Araújo, selou apoio ao nome de Thiago Silva, que é pré-candidato a...

Homem de 47 anos é preso por estupro de vulnerável de filha de seis anos

Um homem de 47 anos, suspeito de abusar sexualmente da própria filha de seis anos, foi preso em flagrante pela Polícia Civil, na noite...

Especiais

Últimas

Editoriais

Siga-nos

Mais Lidas