Reginaldo Santos e Rubens Paulo em frente a prefeitura - Foto: Ronaldo Teixeira / AGORA MT

Representantes do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Rondonópolis (Sispmur) fizeram um protesto em frente à prefeitura de Rondonópolis na tarde desta quinta-feira para demonstrar a insatisfação em relação ao reajuste do servidor público.

O presidente do Sispmur, Rubens Paulo, definiu o objetivo do protesto apenas como um aviso para o prefeito. “Até agora estávamos trabalhando contra o tempo, agora o tempo está contra o prefeito. A partir de hoje ele vai ter que correr contra o tempo”, diz.

O presidente da Comissão de Educação, Cultura e Esporte, vereador Reginaldo Santos, também fez o uso da fala e afirmou que o protesto é para mostrar o desagrado à forma que o prefeito conduziu a situação. “Não estamos falando de aumento e sim de reposição salarial que é algo de direito dos servidores. Condições o município tem para dar o retroativo aos servidores, isso seria uma migalha para a prefeitura, mas para o servidor seria muito”, fala.

Leia também:  Campanha para atualização da caderneta de vacinação começa hoje em Rondonópolis

Reginaldo afirmou que ninguém é contra o prefeito e que ele está sendo tratado assim como os outros em gestões anteriores, mas é preciso colocar os servidores em primeiro lugar. “Recurso tem, o que não tem é a priorização do servidor”, conta.

Sessão da Câmara

Na quarta-feira os servidores estiveram na Câmara para pedir que os vereadores aprovassem uma emenda onde o reajuste proposto pelo prefeito seria retroativo a janeiro e não a abril como decidiu o gestor. Após uma análise das Comissões Municipais de Constituição e Justiça, e de Finanças e Orçamento ficou decido pela não aprovação da emenda. Os votos dos vereadores Reginaldo Santos, Olimpio Alves, Mohamed Zaher e Miltom Mutum que eram a favor a reivindicação dos servidores não foram suficientes para aprovar a emenda.

Leia também:  Prefeitura garante pagamento à terceirizadas
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.