No momento de fazer o registro dos candidatos a coligação também teve que protocolar nesta quinta-feira um resumo do Plano de Governo que poderá ser alterado com novas propostas até agosto.

PT

O candidato a prefeito pelo PT, Juca Lemos, afirmou que o Programa de Governo está pronto e que foi batizado como “Felicidade Rondonópolis”. Juca explicou que o diferencial de seu plano é de que ele foi debatido entre os membros da militância para escolher o que era prioridade para Rondonópolis.

“Estamos buscando tornar Rondonópolis uma cidade saudável, justa e moderna. O nosso Plano é buscar o equilíbrio entre as ações de forma que atenda a todos, desenvolvendo políticas para garantir a qualidade de vida da população”, fala.

Leia também:  Palanque sem deputados e senadores

Para Juca outro ponto considerado importante dentro do Programa do Governo é em relação à vinda da Ferronorte para Rondonópolis. “A cidade precisa ser projetada para isso”, fala. Juca contou que o principal foco de sua campanha será defender a transparência. “Defendo uma gestão pública transparente, onde a população terá acesso via internet as licitações e os processos referentes ao munícipio”, finaliza.

Fórum Suprapartidário

O Plano de Governo de Ananias Filho (PR) e de sua vice Valéria Bevilacqua (PMDB) consiste em preparar Rondonópolis para que ela cresça em ritmo acelerado, mas de forma organizada e planejada. Um dos coordenadores do Plano de Governo, Sérgio Negri, explicou que todo esse desenvolvimento previsto para a cidade será planejado com bases na sustentabilidade.

Leia também:  "Caçambeiros" ganham prazo para adaptação

De acordo com Negli o que o governo de Ananias vem propor é que os programas não sejam conduzidos como ocorrem agora de forma emergencial. A ideia, caso haja a reeleição, é propor ainda este ano que seja feito um congresso para poder ser traçado projetos que vão beneficiar a cidade ao médio e longo prazo.

“Temos que focar no desenvolvimento que está por vir com a Copa do Mundo, a chegada da Ferronorte e de novas empresas. Todos os setores tem que estar preparados para receber as mudanças para que possam evoluir de forma equilibrada”, fala Negli. Entre as várias propostas, a criação da Secretaria de Cultura também é destaque no Plano de Governo, já que esse é um anseio antigo da sociedade. Para que todos os projetos sejam concretizados, a gestão prevê um trabalho conjunto entre Governo Municipal, Estadual e Federal.

Leia também:  Marcelo Rezende morre aos 65 anos vítima de câncer

Movimento Rondonópolis Muito Mais

O site AGORA MT entrou em contato com a assessoria do candidato a prefeito Percival Muniz que informou que não poderia passar o Plano do Governo, porque ele não estaria concluído.

 

 

 

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.