Para garantir a segurança durante o Festival de Inverno 2012, a Polícia Militar de Mato Grosso irá aumentar o efetivo policial do município de Chapada dos Guimarães para cem policiais diariamente, com o reforço de mais 80.

Esse apoio militar, proveniente das unidades do Comando Regional de Cuiabá (CR I), Batalhão de Trânsito Urbano e Rodoviário (BPMTran), Ronda Ostensiva Tático Móvel (Rotam), Regimento de Cavalaria e cadetes da Academia de Polícia Militar Costa Verde (APMCV), será enviado a partir de sexta-feira (20.07), com saída do Quartel do Comando Geral (QCG), às 17 horas.

Segundo o comandante geral da PMMT, coronel Osmar Lino Farias, a instituição procura atender anualmente o município de Chapada dos Guimarães, em razão de o Festival, assim como outros eventos que ocorrem no Estado, reunir um grande público, especialmente de turistas.

Leia também:  Moradores ficam apavorados com tempestade de areia que se formou em Campo Verde

“A Polícia Militar está sempre à disposição para atender a população, independente da região. Outro dia tivemos a Feira Agropecuária de Cuiabá, a Expoagro, e também tivemos a Festa de São Benedito, que são eventos que reúnem um público expressivo e que sempre tem nosso apoio e segurança”, assegura Cel. Farias.

Conforme o comandante da 1ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM) de Chapada dos Guimarães, major Waldemir Soares, esse reforço policial é de extrema importância para garantir a segurança do público interno e externo.

“Durante esse período do ano, Chapada recebe milhares de visitantes, devido ao Festival. Mas desde o ano passado, além da tradicional feijoada que ocorre anualmente, os moradores passaram a celebrar a festa da padroeira da cidade ‘Nossa Senhora de Santana’ no mesmo período. Assim, são três grandes e importantes eventos que ocorrem concomitantemente na cidade”, explica o major.

Leia também:  Concurso da educação tem a participação de mais de 100 mil pessoas

De acordo com o planejamento operacional estratégico, os policiais farão o policiamento ostensivo a pé e motorizado. Nos dias de grande movimentação, o comando da 1ª CIPM também contará com o apoio do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer). “Queremos atingir o mesmo sucesso do ano passado, em que não tivemos um registro roubo ou furto durante os dias de eventos”, espera maj. Waldemir Soares.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.