O governador Silval Barbosa visitou neste sábado (04) o stand da ACIR na 40ª Exposul e conversou com o presidente, Edson Ferreira, sobre solicitações da entidade. O encontro teve a participação do senador Blairo Maggi, do deputado federal Wellington Fagundes, dos deputados estaduais Nininho e J. Barreto, e também do prefeito de Rondonópolis, Ananias Filho, além de empresários.

Edson Ferreira solicitou ao governador a ampliação do limite de faturamento para as empresas optantes pelo Super Simples, que atualmente é R$ 1.800.000,00, para R$ 3.600.000,00, igualando assim ao limite do Super Simples Nacional. Conforme o presidente da ACIR, essa adequação é de suma importância ao desenvolvimento da classe empresarial e para a arrecadação tributária do Estado de Mato Grosso.

Leia também:  Thiago Muniz comemora derrubada do IPTU “População não suporta mais aumento de impostos”

Silval Barbosa solicitou ao presidente da entidade que oficialize o pedido ao Secretário de Estado de Fazenda, Marcel de Cursi, para que o mesmo possa fazer um estudo sobre os possíveis impactos dessa alteração à arrecadação do Estado.

Edson Ferreira ressaltou ao governador que o Estado também precisa ser parceiro do micro e pequeno empresário, oferecendo sempre condições diferenciadas para que essas empresas possam crescer e tornarem-se grandes em nosso Estado.

Durante o encontro, o presidente da Associação Comercial também solicitou ao chefe do Executivo estadual e demais representantes que o Estado dê atenção especial à criação de cursos tecnológicos em todo o Estado de Mato Grosso, principalmente em Rondonópolis, para que os municípios possam formar mão-de-obra capacitada e especializada para atender a demanda das atuais empresas e das futuras que virão com a chegada da Ferronorte. “A classe empresarial está fazendo a sua parte e precisa, neste momento, que os governos federal, estadual e municipal também o faça”, pontuou Edson.

Leia também:  Prefeita de Juara e mais três são denunciados por fraude em licitação

Durante o encontro no stand da ACIR, o senador Blairo Maggi destacou o grande crescimento da região Norte do Estado e que novas vias de escoamento da produção serão implantadas como alternativa para aquela região. Os presentes concordaram que isso não impedirá o contínuo e ascendente crescimento da região Sul do Estado, até porque a Ferrovia chega primeiro em Rondonópolis e, com ela, muitas e grandes indústrias.

Silval Barbosa externou também que Mato Grosso, por estar na região central do Centro-Oeste, será sem dúvida um Estado que terá um crescimento em todas as suas regiões. “Onde está ruim hoje é bom para investir, pois amanhã já estará bom e transformado”, falou o governador.

Leia também:  Estudo sobre nova tabela de cobrança avança

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.