camiseta corinthias

 

A participação da equipe do Corinthians Master em Rondonópolis em um jogo beneficente contra a equipe do União Esporte Clube Master, movimentou a cidade na manhã do ultimo domingo (12) no centro de treinamento do União Esporte Clube.

O evento tinha um cunho social, onde foi cobrado dos torcedores 1 quilo de alimento não perecível. Cerca de 2,5 toneladas de alimentos foram arrecadados no evento. Os alimentos arrecadados será doado a casa de recuperação para dependentes químicos Divina Providência.

Os torcedores Colorados e Corinthianos além de verem seus ídolos puderam fazer a parte social. Mas quem ficou devendo neste quesito foi a equipe do Corinthians que além de cobrar R$ 14 mil  para vir se apresentar no Campo de Treinamento (CT) do União Esporte Clube, cachê pago pelos patrocinadores do evento, a comissão do Corinthians aproveitou o evento para lucrar em “cima” dos rondonopolitanos.

Leia também:  Líder do Solidariedade deve entregar o cargo

Foram disponibilizadas camisas oficiais do Time, que logo se esgotaram, as camisas vinham “autografadas pelos jogadores”, mas os autógrafos não eram assinados na hora, eles já viam impressos nas camisetas, que por sinal custava R$ 250 cada.

Vale ressaltar que a comissão organizadora da equipe do Corinthians, quase não veio jogar, porque faltou entregar adiantado cerca de R$ 2 mil, por receio da organização não pagar na hora.

Mas o comentário que começou a “rolar” é que não custava nada a equipe paulista abrir mão de pelo menos uma camiseta, para depois a entidade fazer um sorteio ou leilão a fim de colaborar com a instituição ajudando arrecadar fundos para manter o projeto funcionando.

É isso ai! Caridade para uns, negócios para outros.

Leia também:  Um ano sem Antônio Carlos
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.