Uma das marcas do Corinthians comandado por Tite, que conquistou a Libertadores e o Mundial de Clubes de 2012, é a doação e a obediência tática dos atletas em campo. Contratado no início de 2013 por 15 milhões de euros, o atacante Alexandre Pato garantiu no “Arena SporTV” que está 100% fisicamente e que se Tite pedir, volta até a zaga para ajudar no combate aos jogadores adversários.

– Vim de um ano na Itália que eu não vim bem. Houve vezes que eu jogava e depois ficava dois jogos fora. Esses seis meses foram importantes. Consegui voltar a jogar. Posso falar que estou 100% fisicamente. Posso fazer o que o professor pedir. Pode chegar para mim e falar: “Alexandre, você tem que voltar até a frente da zaga”. E eu vou voltar! Vou dar o pique até lá na frente, estou muito bem e com a cabeça tranquila – afirmou o atacante alvinegro.

Leia também:  Dourado sobe duas posições e chega ao 50º lugar no ranking Nacional

Até aqui, na temporada, Pato tem 28 jogos e marcou nove gols. Apesar de ter tido importante participação no título de campeão paulista do Timão, ao bater o pênalti que classificou o time para decisão do torneio, o camisa 7 oscilou bastante até aqui na temporada. Com 0,32 gols por partida até aqui, Pato amargou, até o jogo contra o Bahia, na última rodada, um jejum de dez partidas sem balançar as redes. Ante os baianos marcou duas vezes e garantiu a vitória do Corinthians por 2 a 0. Talvez o jejum de gols seja explicado por conta do seu posicionamento em campo.

– Quando eu voltei da Europa, jogava em uma posição diferente, mais na frente. Aqui eu jogo mais pela esquerda, então eu não marcava como aqui o Tite vem pedindo. Estou tranquilo, ele conversa comigo, eu estou dando o meu máximo, eu tenho a vibração dentro de mim. Corro atrás, quero ajudar a equipe a conseguir a vitória. E é aquilo, ele fala o que eu tenho que fazer eu faço.

Leia também:  Copa de 94 volta à tona com histórias de Romário e loira de Rondonópolis

Pato fez questão de ressaltar a melhora da sua parte física, fato que ele credita única e exclusivamente aos profissionais do Timão.

– Dessas lesões aprendi muito. Encontrei ótimos profissionais no Corinthians. Faço muitos treinamentos aqui. Lá na Itália não fazia muito. Aqui faço muito a parte da musculação. E me deixou muito feliz ter muitos profissionais bons. Quando teve o interesse do Corinthians, eu olhei cada peça do departamento do Corinthians. Hoje estou 100% – finalizou.

O Corinthians volta a campo no próximo domingo, às 16h, no Pacaembu, quando recebe o Atlético-MG.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.