A esperada debandada dos quadros do PMDB de Rondonópolis rumo ao Partido Solidariedade do ex-prefeito e ex-deputado estadual José Carlos Junqueira de Araújo, o Zé do Pátio, não aconteceu.

Segundo fontes da Coluna Bastidores, pouco mais de três dezenas de filiados resolveram acompanhar Pátio para o seu novo partido. Assessores de Zé do Pátio anunciavam aos quatro ventos, antes da efetiva saída do líder do PMDB, que o número de desfiliações poderia causar um verdadeiro estrago na estrutura organizacional do PMDB rondonopolitano.

Com um número quase irrisório de desfiliações, ficou uma pergunta no ar: Pátio não tinha tantos seguidores ou eles resolveram não apostar na nova sigla como uma nova opção política?

Leia também:  Comando local do PSB é mantido
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.