O peso-pesado Fabricio Werdum, próximo desafiante ao título da categoria contra Cain Velásquez ou Junior Cigano, comentou sobre o péssimo desempenho de Alistair Overeem após voltar da suspensão por ter sido pego no antidoping em função de altos níveis de testosterona. Para o brasileiro, após o gancho de nove meses o holandês retornou sem o mesmo condicionamento físico em função dos esteróides, que acabaram resultando nas derrotas para Antônio Pezão no UFC 156, em fevereiro desse ano, e para Travis Browne no UFC: Shogun x Sonnen, em agosto.

– Ele perdeu um pouco do gás por causa dos esteróides. Ele muda muito sem o “suco” e todo mundo viu o que aconteceu. Overeem é um lutador com e outro completamente diferente sem o “suco”. Levaram seus poderes – ironizou o lutador ao site “MMA Fighting”.

Leia também:  União e Cuiabá ficam no empate Luthero

Mesmo confirmando que não gosta do peso-pesado holandês, Fabricio Werdum acredita na vitória de Overeem sobre Frank Mir, no UFC 169, dia primeiro de fevereiro de 2014.

– Apesar de já termos lutado duas vezes, eu não gosto dele porque o acho muito arrogante. Mas é um bom lutador, nocauteador e merece respeito pelo que fez no MMA. Agora, contra o Frank Mir vamos ver o que vai acontecer, se ele vai mudar a estratégia e o treinamento. Mir também não vem bem nas últimas lutas e por isso, acredito que Overeem vai defender as quedas e nocautear. Vamos ver como vai ser seu desempenho sem o “suco” – disse Fabricio Werdum.

Leia também:  Atleta de Rondonópolis fica com cinturão do Conselho Mundial de Muaythai
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.