As próximas semanas serão repletas de emoção para Nico Rosberg. Além da final do Mundial de Futebol, neste domingo, entre Alemanha e Argentina, o piloto da Mercedes guiará em casa, em Hockenheim, na próxima semana. Porém, não muito distante (na tabela e nos boxes) tem quem duvide da importância desta corrida para Rosberg, questionando sua real nacionalidade. Lewis Hamilton, quatro pontos atrás do companheiro de equipe no campeonato, afirma que esta prova não pode ser considerada a “corrida em casa” de Nico, já que ele não cresceu na Alemanha e sempre defendeu as cores de Mônaco.

– Para ser honesto, Nico não viveu na Alemanha, então essa não é sua corrida em casa. Quando corríamos de kart, ele não ficava ao lado da grid girl com a bandeira alemã. Ele sempre ficou ao lado da garota com a bandeira de Mônaco – disse.

Leia também:  Mixto sofre gols no fim e é eliminando pela Chapecoense

Nico nasceu em Wiesbaden, na Alemanha, filho de mãe alemã, mas o pai, o campeão mundial de 1982, Keke Rosberg, é finlandês. Apesar disso, o piloto de 29 anos passou a maior parte da sua vida em Mônaco, onde vive até hoje. Apesar da dúvida sobre a real nacionalidade do companheiro, Hamilton disse que ganhar dos outros em casa é sempre mais gostoso.

– O que eu sei é que ele cresceu em Mônaco. Por isso, Mônaco é sua terra natal. Ele é alemão, finlandês, monegasco, que seja. Ele vai ter o mesmo apoio na Alemanha que tem em Mônaco. Mas é sempre bom ganhar dos outros em suas casas – alfinetou.

Leia também:  Classificação do Campeonato Mato-grossense 2019

Questionado sobre as declarações do companheiro, nesta terça-feira, depois dos testes em Silverstone, Rosberg deu de ombros. O piloto vem mostrando total apoio à seleção alemã na copa, sempre com a camisa do time nacional, rosto pintado, faixas etc.

– Cada um pode julgar como quiser. O que você quer que eu diga? Posso não ser tão alemão quanto ele é britânico, já que não cresci na Alemanha, mas me considero 100% alemão.

O fato é que os pilotos chegam em Hockenheim separados por uma diferença de apenas quatro pontos. Se as declarações do britânico influenciarão ou não no psicológico de Rosberg, só será visto durante o fim de semana da corrida, que será realizada em 20 de julho.

Leia também:  União estreia no Campeonato Mato-Grossense no próximo dia 23

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.