Após os problemas enfrentados pela Administração Municipal com o Tribunal de Contas do Estado (TCE), por causa da irregularidade nos cargos de Agentes de Saúde e Agente de Endemias, entrou em votação nesta quarta-feira (01), o projeto que cria o cargo, o número de vagas e uma comissão que irá convalidar os trabalhadores que já atuam.

Ao todo serão criadas 374 vagas para Agentes de Saúde e 120 para Agente de Endemias, porém de acordo com o vereador Adonias Fernandes (PMDB), esta já é uma quantidade defasada e que não supre a necessidade da população. “Irei debater a necessidade de mais cargos já agora na criação, para que depois não sejam necessárias novas mudanças na lei” disse ele.

Leia também:  Sebastião Rezende pede esclarecimentos à Energisa sobre a qualidade dos serviços prestados

A comissão que deve ser formada por nove pessoas, entre elas Agentes e vereadores, deverá provar, com documentação, a legalidade dos seletivos que foram aplicados e somente os que estiverem dentro da regularidade irão continuar no cargo.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.