A greve dos médicos do Hospital Regional de Rondonópolis chega ao 4º dia nesta quanta-feira (5) e pode ser encerrada na sexta-feira (6) após uma assembleia com a categoria. Os médicos iniciaram a paralisação no último domingo (3) após atrasos nos salários referentes aos meses de setembro e outubro. (Veja matéria aqui)

De acordo com o presidente do Sindicato dos Médicos de Rondonópolis e Região Sul de Mato Grosso, Eduardo Nogueirol, a informação recebida pela categoria é que a Secretaria de Saúde do Estado de Mato Grosso deve repassar o dinheiro referente aos salários do mês de setembro a OSS São Camilo  nesta quinta-feira (6).

No mesmo dia, caso seja feito o pagamento pela  direção da unidade aos médicos, será realizada uma assembleia no período vespertino para definir se a paralisação será encerrada ou  irá permanecer devido ao atraso do salário do mês de outubro.

Leia também:  Aula inaugural marca o início de cursos gratuitos para a população

“O que a gente gostaria que fizesse é uma previsão de pagamento de outubro, esses atrasos ocorreram praticamente todo o ano. O pagamento sempre fica pro final do mês e no contrato é sempre dia 15. O que a gente quer em virtude das últimas informações é que garanta para a gente que haverá o pagamento desse e dos meses seguintes”, disse o presidente.

Eduardo Nogueirol ainda ressaltou que enquanto não for constado o pagamento do mês de setembro a greve irá permanecer.  Só vamos voltar a atender depois do pagamento, enquanto não houver o dinheiro na conta continuamos paralisados,” afirmou.

Os únicos atendimentos realizados pelos médicos são os considerados de urgência e emergência.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.