Foto: Reprodução/ Rede Record
Foto: Reprodução/ Rede Record

Um homem é suspeito de matar a mulher e a irmã em Altamira, distante cerca de 900 km de Belém (PA). O suspeito tinha ciúmes da amizade entre as duas vítimas e teria cometido o crime após descobrir uma traição.

Lucia, de 28 anos, e Eva Braga, de 26, foram mortas com golpes de faca dentro de casa. Denildo Oliveira, de 28 anos, sempre se irritava quando via as duas mulheres juntas.

Eva era vocalista de uma banda de forró. Agora, longe da profissão, cantava apenas como hobbie em um bar da cidade. Ela estava em Altamira havia quatro meses, em busca de trabalho.

Lucia e Denildo estavam casados havia pouco mais de um ano. Segundo vizinhos, a relação entre os dois era complicada devido à proximidade da irmã dele.

Leia também:  Elevador de hotel luxuoso no RJ despenca e deixa turistas feridos

O homem não gostava de que as duas saíssem para se divertir. No dia do crime, ele, a mulher, a irmã e o namorado dela foram passear em um balneário da região. Quando voltaram, a dupla decidiu ficar em um bar, enquanto o homem preferiu ficar em casa.

Ao irem embora para casa, Denildo brigou com a mulher, que teria confessado uma traição.

De acordo com a polícia, Denildo esfaqueou Lucia. A irmã teria tentado defender a cunhada e acabou morta também. Os corpos foram encontrados pela mãe de Denildo ao amanhecer, o de Lucia foi encontrado embaixo da cama do casal e o de Eva, na sala.

O homem fugiu, mas foi preso. Ele confessou o crime,e contou os detalhes a polícia.
Eva deixou um filho de um ano e quatro meses, que estava dormindo na hora do crime.

Leia também:  Motorista é preso e mais de 2 toneladas de maconha é apreendida em carga de milho
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.