Mais uma conquista da aviação regional está prestes a ser oficializada para Mato Grosso. Conforme a previsão, a Azul Linhas Aéreas Brasileiras passará, a partir de fevereiro de 2017, a operar o primeiro voo internacional do Aeroporto Marechal Rondon, com destino a Santa Cruz de La Sierra, na Bolívia. A operação depende ainda de aprovação da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) e de autoridades de aviação civil bolivianas.

As autoridades aeroportuárias brasileiras e bolivianas já receberam o pedido da companhia para operar a rota. As tarifas e o início da venda de passagens serão ofertados após a aprovação do voo pelos órgãos reguladores.

“Estamos hoje atendendo a uma demanda local que anseia por esta ligação sem escalas para Santa Cruz de La Sierra. Isto sem dúvida ampliará ainda mais as oportunidades de negócios para toda a região Centro-Oeste do Brasil e aproximará brasileiros e bolivianos que viajam a turismo ou a negócios, graças à ampla conectividade de nossa malha aérea”, destaca Daniel Tkacz, diretor de Planejamento de Malha da Azul.

Leia também:  Programa de formação de lideranças gera resultado em escolas

Hoje, a Azul realiza operações a partir do Aeroporto Marechal Rondon com conexões ou voos diretos para São Paulo (Viracopos e Guarulhos), Belo Horizonte, Goiânia, Campo Grande, Sinop, Barra do Garças, Porto Velho, Ji-Paraná, Vilhena, Rondonópolis, Cacoal, Curitiba, Florianópolis, Rio de Janeiro (Santos Dumont e Galeão), Porto Alegre e Recife.

Para o secretário adjunto de Turismo do Estado, Luís Carlos Nigro, o voo proporcionará o fortalecimento do turismo de Mato Grosso e o desenvolvimento econômico. “Estamos enxergando nesse voo internacional uma primeira conexão, que visa integrar a nossa região com a América do Sul. A ampliação dos voos em Mato Grosso fomenta não apenas o turismo de negócio, mas, também, o turismo de visitação, pois muitas pessoas vêm para visitar, por exemplo, o Pantanal e, com a novidade, ficará mais fácil receber esse público que vem da Bolívia e de outros países vizinhos para conhecer os demais pontos turísticos de Mato Grosso. Estamos nos mobilizando para conseguirmos essa operação o quanto antes”, reforçou.

Leia também:  Sema investe R$ 1,3 milhão em projeto de gerenciamento de recursos hídricos

Santa Cruz de la Sierra é a maior e mais populosa cidade da Bolívia, com 1,7 milhão de habitantes, além de ser a mais importante do Departamento de Santa Cruz. Motor econômico do país, Santa Cruz de la Sierra é um polo petroquímico, com foco na produção e exportação de gás natural. A cidade também é conhecida por sua tradição gastronômica.

Voo

As viagens do Aeroporto Marechal Rondon para Santa Cruz serão às terças, sextas-feiras e aos domingos, numa aeronave turboélice ATR 72-600, de 70 assentos, que garante versatilidade à frota e é ideal para atender à demanda de novas bases.

O modelo ATR 72-600, de fabricação franco-italiana e amplamente utilizado pela Azul, é o turboélice mais moderno que existe atualmente e ideal para a operação de rotas de curta e média distância.

Leia também:  Abate de bovinos recua 4,17%, mas economistas acreditam em reversão de queda

Imagem: VOOS

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.