Imagem: SAÚDE
Foto: Reprodução

O número de procedimentos cirúrgicos realizados pelo Instituto de Assistência à Saúde do Servidor do Estado de Mato Grosso – Mato Grosso Saúde, aumentou 48.5% nos últimos dois anos. Conforme relatório da autarquia, também houve aumento no número de beneficiários, consultas e exames laboratoriais.

O número de procedimentos, que em 2014 foi de 5.923, passou para 6.861 em 2015 e fechou o ano de 2016 com 8.801 cirurgias comuns e de alto custo, que envolvem órteses, próteses e materiais especiais.  Em 2016, foram investidos R$106 milhões, dos quais 50% de recursos são do Governo do Estado e outra parte dos beneficiários.

De acordo com o presidente do Mato Grosso Saúde, Carlos Brito, a normalização do plano, qualidade no atendimento e o baixo custo contribuíram para a expansão dos atendimentos.

“Mesmo com as dificuldades que vivenciamos por conta da crise econômica, ter hoje o Mato Grosso Saúde dentro da realidade dos servidores é a melhor opção em razão do custo dos planos do mercado. Nós temos uma expectativa de aprimorar o atendimento presencial e pelo site, facilitando a relação entre prestador e beneficiário”, pontuou Brito.

Leia também:  Servidores da Mata Grande e do estado fazem paralisação por não cumprimento de promessas de Taques

O plano conta com mais de 180 médicos, funciona em oito municípios do Estado, e atende servidores ativos, inativos, pensionistas e temporários (interinos) do Estado, bem como seus dependentes.

A melhoria na metodologia de gestão proporcionou também a volta de antigos usuários do serviço, como no caso do servidor público Maurício Manuel dos Santos, 46. Ele estava há um ano e meio sem utilizar o plano e recentemente procurou a unidade do Mato Grosso Saúde para reativá-lo.

“O valor deste plano comparado a outro é mais atrativo. As pessoas com quem convivo, que têm este plano de saúde, me convenceram a fazer outra vez devido à oferta de consultas e cirurgias diferenciadas”, contou.

Leia também:  BR-364 é interditada entre Rondonópolis e Cuiabá nesta terça

Investimentos para 2017

Para o primeiro semestre de 2017, está prevista a implantação do Centro de Especialidades Médicas no prédio do Mato Grosso Saúde. O plano também prevê para este ano investimentos de mais de R$ 100 milhões, bem como o credenciamento da rede de farmácias.

O Centro de Especialidades funcionará por agendamento e disponibilizará atendimentos de pediatria, geriatria, neurologia, ginecologia e obstetrícia.

“Avançamos em 2016 e creio que em 2017 avançaremos ainda mais. Cada passo tem que ser dado com responsabilidade para que a gente possa fortalecer a carteira e continuar ampliando nossos serviços com credibilidade”, concluiu Brito.

Edital

Em novembro, o Mato Grosso Saúde lançou o Edital de Credenciamento para estabelecimentos de saúde do interior do estado. A medida visa expandir o atendimento aos usuários do plano que se encontram nessas localidades ou próximas delas, oferecendo mais comodidade a essas pessoas.

Leia também:  Seges alerta servidores para fim do recadastramento

Os interessados em credenciar clínicas, médicos, laboratórios e hospitais podem acessar o edital no site

NÚMEROS DO MATO GROSSO SAÚDE

Total de procedimentos:

2014 – 583.849

2015 – 654.080

2016 – 697.330

Nº de Beneficiários:

24.708, sendo:

Homens: 10.515

Mulheres: 11.755

Nº de consultas:

2014 – 59.844

2015 – 64.451

2016 – 67.125

Exames:

2014 – 417.490

2015 – 478.100

2016 – 508.410

Cirurgias:
2014 – 5.923

2015 – 6.861

2016 – 8.801

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.