Imagem: mulheres na Câmara
Foto: assessoria

Os vereadores realizaram, na sexta-feira (10), uma Sessão Solene em homenagem às mulheres. O Dia Internacional da Mulher foi motivo de festa na Casa de Leis, que promoveu o evento em alusão a data, quando cada vereador fez a entrega da medalha Rosa Bororo às mulheres que prestaram serviços relevantes ao município. A História mato-grossense registra como Rosa ‘Boróra’ uma índia por nome Cibae Motojebado. Em homenagem a ela, uma rua e o Museu da cidade foram batizados com o seu nome. Esta história foi lembrada pelos legisladores, durante a homenagem.

A Juíza de Direito, Doutora Maria Mazarello Farias Pinto, usou a falar em nome de todas as homenageadas. Em seu discurso, destacou a importância da mulher e lembrou que o gênero merece homenagens diárias. “Todo dia é nosso e é por uma de nós que a medalha existe. Foi por conta de uma borora que a estamos aqui recebendo esta homenagem. Hoje me senti uma borora, uma Marajuê, na língua indígena. Essa medalha nos honra o peito por recebermos neste momento histórico em que se trava uma luta entre a perda de valores, moral e ética. Mulheres são arrancadas de seus valores, como Rosa Bororo um dia foi”.

Leia também:  Projeto quer premiar cidades que investirem em inclusão e acessibilidade

Ela destacou ainda o trabalho a frente da Vara da Mulher e igualou as lutas às travadas pela mulher indígena. “Me honrou profundamente saber que estamos travando uma batalha diuturnamente na vara das mulheres. E, neste contexto, quero agradecer a sociedade, ao povo de Rondonópolis que atendeu ao nosso chamado para o evento da Justiça Comunitária. Divido com você, que estão no plenário, na mesa. É com o olhar para o futuro que sejamos, um dia, pacificados. Se não somos valorizadas como mulheres, se temos dificuldade como mães, donas de casa, devemos olhar para o futuro. E no futuro, que espero não ser tão longínquo, que haja amor, moral. O que tinha pra ser alcançado por nossas mãos, já conquistamos. Agora desejo que haja o reconhecimento moral”, defendeu.

Leia também:  Pátio exagera e diz que bancada federal dá a vida por Rondonópolis

O vereador e presidente da Casa de Leis, Rodrigo da Zaeli (PSDB), em seu discurso, aproveitou para destacar a importância da mulher para a sociedade e, também, pedir que as diferenças sejam equalizadas e o preconceito extinto. “São esposas, mães, irmãs que, muitas das vezes, fazem jornadas duplas de trabalho e, por este, recebem valores menores que os dos homens; mulheres que são donas de casa, mães e, ainda, trabalham fora. Mulheres guerreiras, de garra e fibra, que fazem nossos dias serem feitos de grandes momentos felizes. Agradeço à todas e, se depender de nós que aqui estamos, as diferenças serão igualadas e o preconceito findado”, concluiu.

O evento foi abrilhantado pela participação do Maestro Silvano Macedo que, no saxofone, tocou o Hino Nacional e, em homenagem às mulheres, tocou também a música ‘Como é grande o meu amor por você’, de Roberto Carlos.

HOMENAGEADAS 

Maria Edir Silva Taube – Adonias Fernandes; Malvina Lorenço de Jesus – Batista da Coder; Lara Solange de Freitas Kawamura Cruz – Beto do Amendoim; Maria Luzia Gonçalves da Silva – Bilu do Depósito de Areia; Ironete Medeiros – Doutor Helio Pichione; Maria Mazarelo Farias Pinto – Orestes Miraglia; Onilda Justina Dos Santos – Fabio Cardozo; Idelsi Ilaini Herber Rosário – Jailton do Pesque Pague; Vaneide Cândida – João Mototáxi; Joscelna Alves da Silva – Juary Miranda; Esmerilda Viana Pereira – Mazette; Alvina Gomes da Silva – Professor Sidney; Francyslene Pereira Neves – Professor Silvio Negri; Maria Guimarães Pereira – Rodrigo da Zaeli; Maria Alice Avelar dos Santos – Roni Cardoso; Rosalina Gomes Vito – Roni Magnani; Márcia Rosa Nogueira – Subtenente Guinâncio; Camila Nayara Rodrigues Souza Santos – Thiago Muniz; Neuracy Castro – Thiago Silva, e; Lindaura Rosa De oliveira Souza – Vilmar Pimentel.

Leia também:  Portaria confirma Alencar como procurador-adjunto

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.