Sirene em viaturas- Foto: arquivo AGORAMT
Sirene em viaturas- Foto: arquivo AGORAMT

Mario Domingos da Silva, 58 anos foi preso em Rondonópolis nesta terça-feira (08), por homicídio qualificado. Segundo as informações ele tinha um mandado de prisão preventiva expedido pela 3ª Vara Criminal de Marabá desde 2009 e estava foragido. O caminhoneiro foi condenado a mais de 29 anos de prisão por matar a própria filha, de cinco meses de idade.

Segundo informações da Polícia Civil, o crime aconteceu em janeiro de 2009, quando o caminhoneiro teria espancado e jogado a filha contra a parede após se irritar com o choro do bebê. Na ocasião, segundo consta no processo, a então esposa do caminhoneiro tentou proteger a filha, mas também acabou sendo agredida pela companheiro.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.