Imagem: acidentemanobrista1700
Local do atropelamento – Foto: (Reprodução/TVCA)

Um manobrista morreu após ser atropelado na madrugada desta segunda-feira (7), em frente de uma boate no bairro Goiabeiras, na capital Cuiabá (215 Km de Rondonópolis).  José Antônio da Silva Alves dos Santos, 23 anos, estava saindo de um carro quando foi atingido. O autor do atropelamento tentou fugir, mas foi seguido por uma testemunha que passava pelo local e foi preso pela Polícia Militar (PM).

Conforme consta em registro no Boletim de Ocorrência (BO), tudo começou após um desentendimento entre o suspeito de 22 anos e um policial federal do lado externo da boate. O suspeito conduziu o veículo em direção ao policial que foi atingido, mas não teve ferimentos. Em seguida o suspeito atropelou o manobrista que estava saindo de um veículo. José Antônio não resistiu aos ferimentos e morreu ainda no local do atropelamento.

Leia também:  Homem é executado com oito tiros na avenida Bandeirantes

Após o fato, o suspeito fugiu em alta velocidade e sem prestar socorro, mas acabou sendo detido por uma testemunha, já próximo ao bairro Parque Cuiabá. Foi constatado através do teste de alcoolemia que o suspeito estava embriagado.

Diante das informações, o suspeito foi detido e conduzido para a Central de Flagrantes (Cisc), do bairro Planalto, onde o caso foi registrado como homicídio doloso (quando há intensão de matar). O motorista também deve responder por conduzir veículo automotor sob influência de álcool e omissão de socorro.

Equipes do Serviço de Atendimento Móvel e Urgência (SAMU), Delegacia de Delitos de Trânsito (Deletran) da Polícia Civil (PC) e Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) também compareceram no local e as informações constam em registro no BO n° 2017.260888.

Leia também:  Feriadão 12 de outubro | PRF registra 33 acidentes em MT

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.