Imagem: Janio Calistro
Vereador Jânio Calistro, preso por envolvimento com tráfico – Foto: Leticia Kathucia / AGORA MATO GROSSO

A “Operação Cleanup”, deflagrada na manhã desta quinta-feira (19), pela Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE) resultou na prisão de 21 pessoas, incluindo o vereador por Várzea Grande, Calistro Lemes do Nascimento, o Jânio Calisto (PSD). O parlamentar é apontado como membro de uma organização criminosa associada à principal facção criminosa que atua em Mato Grosso.

Conforme a Polícia Civil, o grupo comandava o tráfico de drogas em Várzea Grande com a participação do vereador que é policial civil aposentado. Segundo o delegado Vitor Hugo Bruzulato Teixeira, que comanda as investigações, Jânio Calisto possui importante participação dentro da organização e usou de sua experiência de policial civil, para favorecer as ações da organização. Ele no entanto, não tinha informações privilegiadas, pois há anos não atua mais na instituição se dedicando à função de vereador.

Imagem: delegado Vitor Hugo Bruzulato
Delegado Vitor Hugo Bruzulato – Foto: Leticia Kathucia / AGORA MATO GROSSO

“Por conta da experiência por já ter sido policial, ele tinha esse conhecimento de como a quadrilha pudesse agir sem que fossem surpreendidos. As formas de como deveria ser vendida a droga, realizar transações e uma série de dicas que de fato poderiam colaborar com o modo operandis dos criminosos”, disse o delegado durante entrevista coletiva.

Questionado por jornalistas no momento em que era conduzido ao Centro de Ressocialização de Cuiabá (CRC), antigo Carumbé, o vereador evitou responder as perguntas. Disse apenas “ser inocente e que isso será provado”.  Ele ficará numa ala dedicada a presos com curso superior aguardando passar por audiência de custódia. Assista ao vídeo logo abaixo:

Ainda de acordo com delegado Vitor Hugo, as três maiores lideranças apontadas pelas investigações foram presas na operação durante cumprimento de ordens judiciais expedidas pela 3ª Vara Criminal de Várzea Grande.

A operação

Imagem: presos vg tráfico
Presos por tráfico de drogas na Operação Cleanup em VG – Foto: Leticia Kathucia / AGORA MATO GROSSO

A Polícia Civil informou que o trabalho investigativo durou cerca de 70 dias e permitiu identificar diversas pessoas associadas para o tráfico, sendo realizadas as prisões em flagrante de 6 pessoas e apreensão de grande quantidade de drogas em posse dos presos. O objetivo da operação é desarticular uma organização apontada como líder no crime de tráfico de drogas de Várzea Grande.

No total, foram cumpridas 56 ordens judiciais cumpridas. Dentre elas, 23 ordens de prisão preventiva e 33 de busca e apreensão nos municípios de Várzea Grande, Nobres e em Rosário Oeste.

Veículos de luxo, drogas, dinheiro e objetos utilizados para o embalo de entorpecentes foram apreendidos. O valor movimentado pela organização criminosa ainda está sendo levantado pela Polícia Civil. Três alvos dos mandados estão presos na Penitenciária Central do Estado de Mato Grosso (PCE-MT).

 

Imagem: presos vg tráfico 4
Foto: Leticia Kathucia / AGORA MATO GROSSO

 

Imagem: presos vg trafico 3
Foto: Leticia Kathucia / AGORA MATO GROSSO

 

Imagem: presos vg trafico 2
Foto: Leticia Kathucia / AGORA MATO GROSSO

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.