20 de setembro de 2020
Mais
    Capa Notícias Brasil Sul do país tem temperatura negativa e chance real de neve
    UMIDADE E FRIO INTENSO

    Sul do país tem temperatura negativa e chance real de neve

    Imagem: frio no sul Sul do país tem temperatura negativa e chance real de neve
    Frio no Sul – Foto: Wesley Santos/Estadão Conteúdo

    O Rio Grande do Sul e Santa Catarina já registram temperaturas negativas nesta nesta quarta-feira (19). Uma frente fria que começou a avançar pelo país, espalha chuva e também uma massa de ar polar que vai fazer com que as temperaturas caiam drasticamente nas regiões sul, sudeste e centro-oeste nos próximos dias. Além disso, com a umidade remanescente e o frio intenso, há também possibilidade de queda de neve.
    Nesta quinta-feira (20) chove na maior parte de Mato Grosso do Sul e sudoeste do Mato Grosso. Nas áreas que fazem divisa com o Paraguai, a chuva alterna com períodos de tempo nublado e acontece a qualquer hora do dia, com acumulados mais expressivos.

    A partir da sexta-feira (21), o frio avança rapidamente sobre o Mato Grosso do Sul, São Paulo, Rio de Janeiro, sul de Minas Gerais, Mato Grosso, sul de Goiás, Rondônia, Acre e sul do Amazonas, segundo informações do Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia).

    O ar frio avança ainda mais pelo centro-oeste e tem previsão de mínimas entre 6ºC e 9ºC na maior parte de Mato Grosso do Sul e entre 6ºC e 12ºC no centro, sul e oeste de Mato Grosso. O frio aumenta até mesmo no sul goiano.
    Há também possibilidade de queda de neve nas regiões serranas do Rio Grande do Sul, no Oeste, Sul, Meio-Oeste e Planalto Norte de Santa Catarina bem como em áreas do Sul e Sudoeste do Paraná, entre o fim de tarde e noite de quinta, na sexta, e no sábado ainda de acordo com o Inmet.

    No sábado (22), há previsão de geada ao amanhecer no Rio Grande do Sul e no oeste de Santa Catarina. As geadas poderão ocorrer de forma mais generalizada no oeste do estados da região sul e também no sul do Mato do Grosso do Sul. Será o maior evento de neve desde 2013 na região. Apesar de frente fria intensa em São Paulo, meteorologistas já descartam a chance de neve.

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS