Mais
    Agora MT Notícias Empresário é sequestrado e faz R$ 150 mil em transferências
    APLICATIVO DE NAMORO

    Empresário é sequestrado e faz R$ 150 mil em transferências

    Vítima de 46 anos caiu no golpe do falso encontro marcado por aplicativo de namoro

    Imagem: materiais Empresário é sequestrado e faz R$ 150 mil em transferências
    Material apreendido – Foto: REPRODUÇÃO / RECORD TV

    Um empresário foi libertado após ser sequestrado e mantido em cativeiro por mais de 24 horas na favela São Remo, na região do Butantã, zona oeste de São Paulo, por volta de 18h deste domingo (28). Durante o tempo em que esteve com os criminosos, ele foi obrigado a transferir aproximadamente R$ 150 mil para as contas dos suspeitos.

    A vítima de 46 anos caiu no golpe do falso encontro marcado por um aplicativo de namoro. O homem chegou em sua motocicleta na rua Kyokushi Noda, na Vila Universitária, zona oeste da capital paulista, e mandou uma mensagem para a suposta mulher que conversava pela plataforma.

    Instantes depois, quatro suspeitos chegaram em um Peugeot preto e renderam o homem. Ele foi colocado no carro e encapuzado para não reconhecer o lugar para onde era encaminhado. A moto também foi levada pelos criminosos.
    Enquanto esteve sob o poder dos bandidos, o homem foi agredido com chutes, socos e coronhadas, além de ser obrigado a fazer transferências bancárias por meio de Pix, que chegam a R$ 150 mil.

    Segundo informações da Polícia Militar, após uma denúncia anônima, equipes da Força Tática do 23º Batalhão se deslocaram para a região e, ao chegarem em uma viela da comunidade, flagraram os suspeitos correndo e dispensando a arma. Eles conseguiram fugir pulando os telhados das residências.

    Os policiais então localizaram o imóvel utilizado como cativeiro e libertaram a vítima, que já estava há mais de 24 horas em poder dos criminosos.

    Foram feitas buscas pela região, mas até o momento nenhum dos suspeitos foi localizado. O caso foi registrado no 91° Distrito Policial, na Vila Leopoldina.

    Relacionadas

    PC desvenda esquema milionário de lavagem de dinheiro

    Há quase um ano começaram as investigações que culminaram na Operação Mandatário, deflagrada pela Força-Tarefa de Segurança Pública (FTSP-MT) para o cumprimento de 51...

    Autoridades dizem que tsunâmi chegou a 15 m de altura em Tonga

    O governo de Tonga afirmou nesta terça-feira (18) que a enorme erupção vulcânica do último sábado (15) provocou um tsunâmi de até 15 metros...

    Uso de cheque cai mais de 93% no Brasil entre os anos de 1995 e 2021

    Em mais um ano de queda, o uso de cheques caiu 23,7% no Brasil em 2021 na comparação com o ano anterior, de acordo com...

    Reeleição de Bolsonaro é a prioridade do PL em MT

    O senador Wellington Fagundes, presidente do diretório do Partido Liberal em Mato Grosso, tem reafirmado a disposição de impedir que as negociações envolvendo as...

    Procon Estadual recomenda cautela com liquidações de início de ano

    O Procon Estadual de Mato Grosso orienta para o consumo consciente e cuidados com as liquidações do mês de janeiro. A prática de queima...

    Mais de 2,5 mil servidores estaduais não se recadastraram e podem ficar sem salários em janeiro

    A Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag-MT) informa que abriu, nesta sexta-feira (14), o prazo para a regularização do recadastramento anual e obrigatório dos...

    Crianças serão vacinadas por grupos e com autorização dos pais

    O Ministério da Saúde informou que será necessária a autorização dos pais para a vacinação de crianças de 5 a 11 anos contra a...

    Cantora Elza Soares morre aos 91 anos de causas naturais

    Morreu na tarde desta quinta-feira (20), aos 91 anos, a cantora Elza Soares. A informação foi confirmada em nota pela família. “É com muita tristeza...

    Dez motoristas são presos por embriaguez ao volante

    Dez motoristas foram presos após serem flagrados por embriaguez ao volante durante a Operação Lei Seca, realizada na madrugada deste domingo (16.01), na Avenida...

    Especiais

    Últimas

    Editoriais

    Siga-nos

    Mais Lidas