Assessoria de Imprensa do senador Pedro Taques (PDT), encaminhou uma nota de esclarecimento, sobre a visita do senador ao município na última sexta-feira (30/09). Segundo a nota a visita seria composta de uma extensa programação politicas e social e que seu atraso ao encontro com pró-reitores da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) e professores que pleiteiam a implantação de Universidade Federal de Rondonópolis (UFR), se deu por conta do atraso de duas horas no deslocamento de Cuiabá a Rondonópolis.

A assessoria ainda esclareceu que apesar do atraso o senador ainda conseguiu se reunir em outro horário com representantes da comissão de professores que encabeçam o movimento, mas, a mesma nota também deixou claro que o senador e seus assessores não conhecem a realidade do processo de emancipação, já que segundo a nota, Taques iria propor uma reunião da bancada federal para apresentar a reivindicação da comunidade acadêmica de Rondonópolis, “A idéia, segundo Taques, é apresentar as reivindicações aos demais senadores e deputados federais de Mato Grosso para que, juntos, possam cobrar medidas do Ministério da Educação e da Casa Civil quanto à implantação da UFR”, relata a nota. Ao que parece o senador deve ter sido informado que o pleito dos professores, pró-reitores e alunos do campus da UFMT de Rondonópolis já foi amplamente divulgado para os parlamentares federais e também os estaduais de Mato Grosso.

Leia também:  Bolsonaro passa Lula e lidera pesquisas para presidência de 2018

A nota enviada pela assessoria do senador foi uma resposta à matéria publicada, na sexta-feira, pelo AGORA MT em que alunos e professores, se diziam frustrados com a ausência do parlamentar ao encontro marcado.

LEIA O TEOR DA NOTA

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Em relação à matéria “Taques frustra comunidade acadêmica da UFMT de Rondonópolis”, a assessoria de imprensa do senador Pedro Taques (PDT) esclarece que a ida do parlamentar ao município de Rondonópolis, nesta sexta-feira (30.09), faz parte de uma série de agendas políticas e sociais que vem realizando nos municípios mato-grossenses. Nas visitas às cidades, o parlamentar tem se reunido com lideranças locais, parlamentares, prefeitos e segmentos organizados. Devido ao atraso de duas horas no deslocamento de Cuiabá a Rondonópolis, Taques teve que cancelar alguns encontros e readequar outros.

Leia também:  Depois de 60 dias de promessa, INSS continua sem peritos

Por conta do imprevisto, não foi possível chegar no horário marcado (15:20h) para a reunião com pró-reitores da Universidade Federal de Mato Grosso e professores da instituição que pleiteiam a implantação de Universidade Federal desvinculada da UFMT, implantação do curso de medicina, entre outras demandas. Na ocasião, a assessoria do parlamentar tentou manter o encontro, porém, os organizadores alegaram que os interessados já não estavam mais no local.

Mesmo diante do atraso, a assessoria do senador frisa que insistiu na manutenção do encontro, que acabou cancelado. Apesar do imbróglio, o senador Pedro Taques acabou se reunindo, no mesmo dia, com representantes da comissão de professores que encabeçam o movimento. Na ocasião, o parlamentar pediu que as reivindicações fossem entregues em ofício para que ele possa lutar pela causa em Brasília. Os professores se comprometeram a encaminhar o documento ao gabinete do parlamentar, em Brasília, na próxima semana.

Leia também:  Loteamento Melchiades Figueiredo beneficiará 1500 famílias rondonopolitanas

A idéia, segundo Taques, é apresentar as reivindicações aos demais senadores e deputados federais de Mato Grosso para que, juntos, possam cobrar medidas do Ministério da Educação e da Casa Civil quanto à implantação da UFR. Ele ressaltou que faz questão de marcar um novo encontro com toda a comunidade acadêmica de Rondonópolis, na sua próxima ida ao município.  “Com toda a bancada reunida, teremos mais força para cobrar do Governo Federal a concretização deste sonho. Estou à disposição da população de Rondonópolis para lutar por essa e as demais demandas do município”, finalizou o senador Pedro Taques.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.