Um candidato republicano ao Senado dos EUA disse durante um debate televisionado nesta terça-feira (23) que a gravidez causada pelo estupro é “vontade de Deus”.

O republicano Richard Mourdock faz campanha pelo estado da Indiana, em uma das corridas mais caras e observadas do país. Ele foi perguntado durante os minutos finais de um debate na noite da terça-feira se o aborto deve ser permitido em casos de estupro ou incesto.

“Pensei no assunto por muito tempo, mas eu cheguei à conclusão que a vida é o dom de Deus. E eu acho que, mesmo quando a vida começa nessa situação horrível do estupro, é algo que Deus planejou para acontecer”, disse Mourdock.

Leia também:  Homem agride cruelmente duas mulheres com golpes de martelo na França

O candidato à presidência Mitt Romney se proferiu ainda na noite de terça-feira, mantendo distância de Mourdock. Um dia antes, Romney apoiou a candidatura de Mourdock em um anúncio de televisão.

“O governador Romney não concorda com os comentários de Richard Mourdock, já que eles não refletem seus pontos de vista”, disse a porta-voz Andrea Saul. Os assessores de Romney não comentaram sobre se o anúncio será retirado ou se o candidato presidencial republicano vai interromper o apoio a Mourdock.

‘Estupro legítimo’
Mourdock é o segundo candidato repulicano ao Senado a se envolver em polêmica neste ano após comentários sobre estupro e gravidez.

O deputado Todd Akin, candidato pelo estado do Missouri, disse em agosto que os corpos das mulheres têm maneiras de evitar a gravidez em casos do que chamou de “estupro legítimo.” Depois do comentário, Akin repetidamente pediu desculpas, mas se recusou a deixar a corrida, apesar dos apelos feitos por líderes de seu próprio partido.

Leia também:  Cientistas criam método que detecta uso de cocaína pela impressão digital

Os americanos vão às urnas eleger 33 novos senadores em 6 de novembro, mesmo dia das eleições presidenciais.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.