Universitários vão ter direito ao auxílio alimentação e moradia. Foto: Moisés Bandeira/Unemat
Universitários vão ter direito ao auxílio alimentação e moradia. Foto: Moisés Bandeira/Unemat

Os acadêmicos da Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat) passam a contar com novos auxílios para garantir a permanência nos cursos de graduação. Nesta quarta-feira (19), o Conselho Universitário aprovou os auxílios alimentação e moradia de R$ 180 e 250, respectivamente.

Os dois benefícios podem ser cumulativos com outras bolsas já concedidas pela instituição. A quantidade de auxílios a serem concedidos serão definidos em edital a ser lançado no segundo semestre deste ano, mas a expectativa é que ultrapassem 400.

O reitor da Unemat, Adriano Silva, comemorou a aprovação dos auxílios. “É mais uma conquista no campo estudantil, queremos ir avançando na política de assistência ao estudante dando as condições para que eles possam se dedicar ao ensino, à pesquisa e à extensão”, diz.

Leia também:  Dois homens morrem eletrocutados enquanto trabalhavam em posto de combustível em MT

Dados da Unemat revelam que 75% dos acadêmicos da instituição são oriundos de escola pública. Muitos acabam desistindo de continuar seus estudos por dificuldades financeiras. “Temos nos preocupado muito com a qualidade dos nossos cursos, em garantir as condições necessárias para as atividades pedagógicas, mas também nos preocupamos em garantir a permanência do acadêmico na universidade, por isso esses investimentos que devem continuar ocorrendo na Unemat. Nós já temos outras conquistas como o seguro de vida 24 horas, além das diferentes modalidades de bolsas financiadas com recursos da Unemat ou de outros órgãos de fomento como o CNPq e a Fapemat”, diz o reitor.

O presidente do Diretório Central dos Estudantes (DCE) de Cáceres, Genilson Barbosa, também vê como um avanço os novos investimentos e a política de assistência da instituição. Ele aproveitou a ocasião para agradecer o empenho da gestão da Unemat na área estudantil.

Leia também:  Em Mato Grosso, vacinação contra a gripe vai até sexta-feira (09) apenas para os grupos de risco
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.