A Associação Mato-grossense dos Municípios vai participar das deliberações da 2ª Conferência Nacional de Proteção e Defesa Civil, que será realizada em Brasília, a partir desta terça-feira (4) até a próxima sexta-feira (7).

A instituição será representada pelo técnico Rafael Francisco Pinto, que foi eleito delegado na etapa estadual da conferência, realizada na sede da AMM no primeiro semestre deste ano.

De Mato Grosso vão participar 42 delegados, membros da sociedade civil, poder público e agentes da Defesa Civil, conselhos profissionais e de políticas públicas, além da comunidade científica. Os delegados das Conferências Estaduais e a Distrital poderão encaminhar até 10 princípios e até 30 diretrizes para a Etapa Nacional.

O presidente da AMM, Valdecir Luiz Colle, Chiquinho, disse que o evento nacional será muito importante para definir diretrizes e debater políticas públicas relacionadas à defesa civil. “A AMM está muito atenta a esse assunto, que é de grande importância para os municípios.

Leia também:  Abertas inscrições da 2° corrida Rotam Extreme

Vamos participar da Conferência Nacional e acompanhar de perto os resultados práticos das discussões”, assinalou.

A temática da Conferência será “Proteção e Defesa Civil: novos paradigmas para o Sistema Nacional”. O evento vai promover, incentivar e colocar em discussão a questão da Proteção na Defesa Civil, uma das principais mudanças apresentadas pela Política Nacional prevista na Lei nº 12.608/12.

A legislação prevê que União, Estados, Distrito Federal e Municípios – com a colaboração de entidades públicas ou privadas e da sociedade em geral – adotem medidas preventivas e atenuantes, necessárias à redução dos riscos de desastres.

Os quatro eixos temáticos do evento serão os seguintes: Gestão integrada de riscos e resposta a desastres; Integração de Políticas Públicas relacionadas à Proteção e à Defesa Civil; Gestão do Conhecimento em Proteção e Defesa Civil; Mobilização e promoção de uma cultura de Proteção e Defesa Civil na busca de Cidades Resilientes.

Leia também:  Serviços de cidadania serão oferecidos por três dias em Barra do Garças

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.