Ao longo do mês de janeiro, o custo de produção do algodão na safra 2015/16 em Mato Grosso foi de R$ 7.082,13/ha, mantendo – se estável ante o mês anterior, em queda de 0,05%. Entretanto, essa estabilidade não representa o real cenário. As informações são conforme o Instituto de Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea).

Conforme o Instituto, em janeiro, a baixa liquidez no mercado futuro do algodão, que refletiu diretamente na demanda dos produtores por insumos da lavoura, aliada ao enfraquecimento do câmbio, fez com que a despesa com insumos caísse 1,09%, fechando a R$ 4.382,25/ha. Queda esta que teve como vetor a desvalorização de 2,92% no custo com inseticidas. Porém, apenas alguns produtores se favoreceram, uma vez que o que manteve a estabilidade no custo total foram as despesas com beneficiamento, que em janeiro valorizaram 6,66%, fechando a R$ 1.009,38/ha.

Leia também:  Exportação cai 65% em julho em Rondonópolis

Os economistas acreditam que neste momento a atenção dos produtores devem se voltar ao câmbio, já que o momento de instabilidade internacional pode gerar oportunidades ainda melhores.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.