Foto: Creative Commons
Foto: Creative Commons

O funcionário que vai ao trabalho de bike, durante 15 dias, ganha 1 dia de folga no mês.

A novidade é brasileira e vem de Pernambuco.

Os servidores do Ministério Público Federal do Estado, que abrem mão do carro para ir ao trabalho, têm o benefício da folga desde março, quando começou a valer a portaria 46/2015.

A medida funciona à base de muita fiscalização e foi feita pelo procurador da República Rafael Ribeiro Nogueira Filho.

Fiscalização

Para ganhar o benefício da folga, os funcionários devem estacionar suas magrelas dentro do edifício-sede da Procuradoria e assinar declaração, junto ao vigilante do estacionamento, atestando que foram trabalhar de bike.

Após completar 15 dias úteis se locomovendo desta maneira, os empregados encaminham seus atestados à Coordenadoria de Gestão de Pessoas, que deve autorizar o abono de um dia de trabalho, até o quinto dia útil do mês subsequente.

Leia também:  Homem é flagrado se masturbando em ponto de ônibus em plena luz do dia no DF

Vestiários

Antes da medida começar a valer, no entanto, a Procuradoria de Pernambuco fez questão de instalar vestiários no prédio, para que os ciclistas possam tomar uma ducha e trocar de roupa quando chegam ao trabalho.

A Procuradoria Geral da República aprovou a iniciativa e pretende expandi-la para todas as unidades do Brasil.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.