Bruno Lopes de Mattos, foi preso ontem (09) no final da tarde no bairro Tancredo Neves, quando estava em uma quitinete, que afirmou no Boletim de Ocorrências confeccionado pela Policia Militar (PM) ser a sua residência.

O motivo da prisão é que Bruno está sendo acusado do roubo de uma motocicleta Honda NX-4 Falcon de cor azul, no mesmo dia da sua prisão.

O roubo segundo declarações da vítima para a confecção do BO, aconteceu no bairro Vila Cardoso. Ainda com declarações da vítima, Bruno a teria abordado na porta de casa e levado a motocicleta. Imediatamente a após a fuga do suspeito a vítima acionou a polícia pelo telefone do Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp) que alertou a todas as viaturas sobre o fato.

Leia também:  Alta Floresta | Casal tem 100% do corpo queimado após explosão com gás em quitinete

Mas Bruno achando que após a fuga sairia impune e não teve medo ao passar com a moto roubada na porta do 5º Batalhão da PM. Para azar de Bruno e sorte da vítima, o cabo PM, Fanciscley deixava o serviço no exato momento em que o suspeito passava na porta do quartel, o cabo então, diante das características repassadas por rádio pelo Cisop, suspeitou de Bruno e em seu carro, passou a seguir o suspeito.

Bruno, segundo o relato do cabo, abandonou a moto roubada no fundo de um motel as margens da BR-364 e seguiu a pé por duas quadras entrando em um conjunto de quitinetes.

Depois de alguns minutos chegaram viaturas da PM, que foram alertadas pelo cabo Franciscley e efetuaram a prisão de Bruno em flagrante.

Leia também:  Mulher é presa com mais de 8 kg de drogas escondidos em bagagem

Depois do registro do BO e do reconhecimento de Bruno pela vítima, o suspeito foi entregue a Polícia Judiciária Civil para as providências necessárias.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.