Imagem: a70328e4 9601 4e43 b3ca bc3831ce149a
Foto: Divulgação

A Polícia Civil foi acionada por motoristas que seguiam na MT-270 próximo a Guiratinga, informando que uma carreta carregada de milho, em ação suspeita começou a fazer zigue zague no meio da pista e junto com ela, três veículos sendo um Voyage, um Golf e um Frontier, entraram em alta velocidade e seguiram caminho indeterminado.

A caminho do local a Polícia Civil recebeu outra denúncia informando que a carreta havia atolado, mas ao chegar no local os veículos que supostamente estavam de apoio, fizeram a retirada do atoleiro.

Imagem: De acordo com a Polícia Militar todo o material foi encontrado na fazenda
De acordo com a Polícia Militar todo o material foi encontrado na fazenda – Foto: Ronaldo Teixeira/AGORAMT

Segundo as informações do investigador da Polícia Civil, eles começaram a vistoria próximo do local, pois seguiram as marcas de pneu que os levaram a uma fazenda onde estava apenas a carreta (sem o cavalo), um chassi, uma cabine de carreta, outra carreta sem as rodas e também estava o Voyage e o Frontier.

Leia também:  Batalhão Ambiental apreende cerca de 211 kg de pescado irregular
Imagem: Suspeitos que estavam na fazenda no momento da prisão
Suspeitos que estavam na fazenda no momento da prisão – Foto: Ronaldo Teixeira/AGORAMT

Ao interrogar o gerente da fazenda, sobre onde estava o condutor do veículo Voyage, o mesmo apresentou nervosismo e sua esposa respondeu dizendo que pertencia ao seu filho e que havia chegado no dia anterior, na mesma data da carreta e sua filha menor, confirmou. Ao ser questionada onde estava a chave do veículo para vistoria, a mesma disse que seu filho havia esquecido de deixar a chave e voltado com ela para Rondonópolis.

Então os policiais perguntaram ao filho do vaqueiro o horário que os veículos haviam chegado e a criança respondeu que na verdade havia chegado nesta manhã (15), onde a desconfiança dos policiais aumentaram, motivo pelo qual decidiram fazer a varredura pela fazenda.

Leia também:  Falha em serviço de telefonia afeta número de emergência 192 do SAMU em Rondonópolis

Foi onde localizaram escondido no meio do pasto, o cavalo do Bi trem e ao chegarem em outro casa conhecida como o retiro da fazenda, os policiais avistaram quatro indivíduos armados que ao notarem a presença dos policiais, entraram no mato.

Imagem: b21b6277 f5c7 4f41 9fce 26367849a562
Foto: Divulgação

As equipes de policias voltaram para a fazenda e fizeram vistoria dentro da residência onde foram encontrados dentro do quarto do casal, um saco com 98 tabletes de pasta base de cocaína e embaixo da escada que dava acesso aos quartos, estavam 3 armas longas, sendo 1 gauge 12 semiautomática de origem turca, uma espingarda calibre 22 e uma calibre 36, além de vários apetrechos para recarregar cartuchos e outras munições.

Leia também:  Motorista é sequestrado e tem caminhão com carga roubado na BR-364 em Nobres

Nesta ação quatro pessoas foram detidas Luis Osvaldo da Rocha, 47 anos, Devonilce Rodrigues de Oliveira, 42 anos, Rodrigo Serra Eraldi, 27 anos e uma menor. Os suspeitos Renato Cesar da Rocha, 26 anos, Paulo Cesar da Rocha, 22 anos e mais dois suspeitos, que não foram identificados, estão foragidos.

A ação conjunta contou com o apoio do Grupo Armado de Repressão a Roubos e Assaltos (GARRA), Força Tática, Polícia Militar e Civil de Guiratinga, de São José do Povo e Tesouro.

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.