17 de junho de 2021
Mais
    Capa Bastidores Com disputa entre base e oposição, relatoria de CPI está indefinida
    MEDICAMENTOS VENCIDOS

    Com disputa entre base e oposição, relatoria de CPI está indefinida

    Imagem: vereador Tenente Coronel Paccola foto Arquivo Pessoal Com disputa entre base e oposição, relatoria de CPI está indefinida
    O vereador tenente-coronel Paccola, um dos que disputa a relatoria – Foto: Divulgação

    Ficou para a próxima segunda-feira (10), a definição de quem ocupará a relatoria da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), que apura o episódio de medicamentos vencidos no Centro de Distribuição da Capital.

    A escolha deve ocorrer durante reunião do Colégio de Líderes. O impasse ocorre uma vez que nomes da base aliada do prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) e da oposição tentam ocupar o cargo.

    Entre os cotados, os governistas Marcus Brito (PV) e dr Luiz Fernando (Republicanos) e o vereador de oposição, tenente-coronel Paccola (Cidadania).

    Conforme prevê o regimento, a presidência ficará sob responsabilidade do vereador Lilo Pinheiro (PDT), que foi o autor de requerimento da CPI.